15 de janeiro de 2020 / por ondatkm

Abertura de uma Empresa: Entenda os Gastos Iniciais e Impostos

Se já passou pela sua cabeça alguma vez sobre empreender, com certeza pairaram inúmeras dúvidas, algumas até que podemos considerar como “bem leigas”.

Inicialmente, pode ser que a sua ideia sobre empreender, tenha surgido através do pensamento de ter total autonomia para trabalhar, ser dono do seu próprio negócio e por que não, alcançar a independência financeira. Ainda mais empreendendo e alcançando essa independência financeira com algo que você goste.

Ou melhor, no meio de tantos ramos de empreendedorismo, tantas empresas que trabalham ou produzindo ou prestando seu serviço de alguma forma, não seria interessante você colocar no mundo uma ideia nova? Um conceito totalmente original e único, pensado e criado por você?

É um pensamento tentador e que exige coragem! Afinal, muitas vezes até surge uma boa ideia e se tem a certeza da sua originalidade e que, além de uma possível dificuldade, a chance de sucesso pode ser considerada grande! O problema é quando estar acomodado ou a própria falta de coragem e iniciativa, faz com que essa ideia seja “enterrada” antes mesmo de nascer.

Um dos motivos que muitas vezes tira a coragem e a iniciativa de quem tenha uma boa ideia é pensar que já “existem tantos concorrentes por ai”. De fato ao sermos realistas, a concorrência existe quando se pensa no tamanho do mercado, seja ele brasileiro ou mundial.

Porém, é ai que entra uma jogada nova e estratégica, que geralmente é usada por quem tem a coragem de apostar em sua ideia e sabe o quanto ela é original: apostar em um público-alvo!

Sim, eleger e ter consciência de quem é o seu público-alvo, é uma estratégia nova que vem dando certo com quem resolveu empreender e, sabe da importância de achar uma boa solução para esse determinado público através do seu produto, ou serviço.

Portanto, já sabemos de dois pontos praticamente indispensáveis para quem quer empreender e por em prática a sua ideia única e original de negócio:

Que para isso é necessário coragem! E que é uma boa dica eleger um público-alvo, pois a chance do seu negócio ser solução para esse público e alcançar o sucesso, é muito maior do que o risco de querer expandir para outros públicos e arriscar, jogando fora assim o seu investimento financeiro ou a garantia de dar certo.

Pronto, agora já demos o passo inicial. Talvez uma das partes mais importantes ao pensar em empreender seja tomar a iniciativa. Afinal, a coragem de se meter num mundo novo onde você é responsável por praticamente qualquer passo para trás ou qualquer queda, deixa muitos que pensam em empreender com medo, com receio.

Porém, você será o responsável direto também caso ocorra o contrário, caso a sua empresa prospere e alcance os resultados esperados até mesmo antes do tempo previsto. Você será o responsável pelo sucesso! Sim, você merece essa reconhecimento a partir do momento que teve coragem iniciativa!

 

Taxas e valores na abertura da empresa

Há diferença de um estado para o outro quando a questão é os documentos necessários ao efetuar a abertura da sua empresa. No entanto, alguns documentos são essenciais para todo o território nacional, possuem a mesma necessidade em comum quando o assunto é documentos básicos e padrões em diferentes Estados, e são eles:

– Documentos retirados frente à Junta Nacional;

– Alvarás, licenças e inscrições;

– Taxas com vínculos à sindicatos.

Cada documento desse que em geral é solicitado em todo o território nacional, quando levado em conta o Estado de São Paulo, o custo sairá em média no valor de R$370,00 até R$750,00, podendo variar dentro dessa valor estimado a emissão desses documentos.

Portanto, sabemos que ao pensar em empreender e colocar em prática com coragem a sua ideia original, esse será o valor em média somente para os gastos com documentação em São Paulo.

Outro fator importantíssimo que deve ser considerado imprescindível ao abrir a sua empresa e por em prática a sua ideia, é justamente a contratação de um profissional especializado no determinado ramo que você optou.

Pode parecer, de início, que não há essa necessidade, ainda mais quando o empreendedor tem o conhecimento da área de atuação. Porém, deve-se pensar que a qualidade e o conhecimento de um profissional que seja realmente especializado nesse tipo de negócio fará a diferença. Afinal, um profissional terá a visão diferente da visão do empreendedor que apenas tiver uma noção do serviço ou do produto, e nesse caso a contratação desse profissional acaba se tornando um investimento.

 

Fisco, o que é, e sua importância

Ao pensar em empreender, ouvir ou ler o nome “Fisco” pode parecer assustador, afinal é um ponto que tem influência direta nos setores contábeis e financeiros da empresa. Não o pagar da forma devidamente correta, pode acarretar em uma série de multas e advertências que com certeza não será nada agradável.

Fisco –A sua função é simples: controlar e monitorar toda a legislação tributária do país, sendo classificado como muitas pessoas não sabem, em três esferas primordiais:

  • Esfera Federal: Faz referência à todo o país. Um exemplo de imposto cobrado pela Esfera Federal é o Imposto de Renda (IR).
  • Esfera Estadual: A coleta e o monitoramento dos tributos estaduais é responsabilidade da esfera Estadual. O Imposto Sobre Circulação de Mercadorias (ICMS) é talvez o imposto mais comum e conhecido dessa Esfera.
  • Esfera Municipal: Imposto Sobre Serviço (ISS) é o imposto que pertence a essa Esfera, e é pago para a prefeitura da cidade.

Esses são alguns tributos que merecem atenção do empreendedor, para que não aconteça de arrumar problemas financeiros com algum órgão do país. Portanto, ter um profissional para cuidar dessa parte de tributação é essencial, mesmo que o empreendedor tenha conhecimento dos processos, mas o conhecimento de um profissional é sempre primordial!

Agora você já sabe as questões básicas para a abertura de uma empresa. Tem alguma ideia original? Tem conhecimento de algum serviço que poderá principalmente, achar a solução para um determinado público-alvo?

Tenha a coragem de apostar em você mesmo!

Afinal, ninguém melhor do que você para acreditar no seu potencial!

 

 

Fonte: PABI CONTÁBIL